Nosso Blog

10 dicas para aumentar o engajamento de equipe

10 dicas para aumentar o engajamento de equipe

INTRODUÇÃO

Devido às transformações socioculturais e econômicas do século XXI, o mercado tem requerido cada vez mais competências e habilidades dos profissionais que atuam dentro das organizações, as famosas Softs Skills e Hard Skills . Dentro disso, um fator primordial que toda empresa precisa ter claro (ou deveriam) é como de forma assertiva proporcionar a conectividade de diferentes perfis comportamentais e técnicos dos colaboradores em um único ambiente, ou melhor, em diferentes ambientes (ex:home office) . Ou seja, engajá-los por um propósito! E quando eu falo conectividade dos colaboradores, isso inclui TODOS (inclusive o corpo gestor).

O engajamento assertivo de uma equipe de alta performance começa pelo CEO/Presidente/Diretor dentre outras nomenclaturas utilizadas para cargos de alto nível, em resumo, de cima para baixo. Muitas as vezes o engajamento é um dos fatores mais desafiadores para qualquer gestor. Afinal, o time de profissionais é a maior e mais importante ferramenta de qualquer negócio. Sem um ótimo desempenho de sua equipe, certamente a produtividade da organização irá despencar e os resultados estarão muito aquém do desejado.

O ENGAJAMENTO

Podemos definir o engajamento como:

“Grupo de membros ou pessoas compartilhas em buscar um objetivo”

“Empenho e dedicação em uma causa conjunta”

No entanto, ainda identificamos diferentes percepções e entendimentos sobre o real significado de engajamento. O Tema já foi abordado no “Panorama Engajamento Brasil 2018”, Organizado por 99 Jobs, Coblue, Engage, Mercer, MM, Phomenta, SOU, TOTVS e Viva. Dentre as informações coletadas na pesquisa junto aos colaboradores estava sobre: Qual o significado de engajamento dentro da cultura de uma empresa?

Identificou-se que o significado para 24% da pesquisa é comprometimento, 14% motivação, 13% valores, 10% propósito, 9% colaboração, 7% pertencimento, 7% dedicação, 7% vestir a camisa, 5% resultados e 3% Equipe.

Mas a pesquisa vai além, 14% dos participantes diz que o engajamento é mensurado mais de 2 vezes ao ano aonde trabalha. Já 39% afirmaram que não ocorre a mensuração aonde trabalham (aos que afirmaram que o nível de engajamento é mensurado nas empresas, para 37% deles o percentual de profissionais engajados varia de 51 a 70%. Contudo, 11% disseram acreditar que menos de 30% do time é engajado com a empresa). Por outro lado, quando perguntado se existia um projeto ou mix de ações que visavam aumentar o engajamento dos profissionais dentro da empresa... 64% relatou que existe e 36% que não existe. Esta é uma pesquisa muito interessante já que traz a realidade de algumas empresas brasileiras sobre o assunto, ou seja, diz diretamente a aquilo que lidamos no mundo corporativo.

Ao analisar dados globais, os dados são alarmantes. De acordo com o relatório “State of the Global Workplace” apenas 15% dos profissionais sentem-se engajados dentro do seu espaço de trabalho. Por fim, a “Gallup Q12 Meta Analysis Report” em 2019 emitiu o relatório de uma pesquisa realizada pela própria Gallup, aonde mostra que empresas mais engajadas apresentaram um aumento de 21% na produtividade e de 22% na lucratividade, dois objetivos que estão entre os principais para qualquer negócio, independentemente de porte e segmento.

CONSULTORIA X ENGAJAMENTO

De acordo com os dados apresentados acima é perceptível o quanto o engajamento merece maior atenção dentro das organizações, bem como, o entendimento claro do seu real objetivo. Por mais que aparente exigir muito esforço por parte dos gestores, o engajamento não é nenhum bicho de sete cabeças para desenvolver, mensurar e torna-lo cultural dentro da mesma.

Entretanto, muitos gestores querem ter uma equipe altamente engajada e de alta performance, mas não fazem ideia por onde começar! É neste cenário também que amplia as oportunidades no mercado para os consultores empresariais, podendo elevar seu ticket médio, somar e agregar no escopo de seus projetos ações pontuais atreladas ao engajamento de equipes.

Pensando nisso, segue 10 passos primordiais para você consultor empresarial incluir no escopo do seu projeto para aumentar o engajamento do time do seu cliente:

  1. Desenvolva a Liderança dos Gestores;
  2. Crie um sentimento de propósito: colaboradores x empresa; (Sugestão: Deixe claro a visão, missão e valores da empresa ao time);
  3. Desenvolva um Programa de Desenvolvimento Individual (PDI) com o seu cliente para que o time tenha mais clareza de como, e onde podem chegar (crescer) dentro do negócio;
  4. Implemente na cultura da empresa o hábito de feedbacks: Gestor x Colaborador x Gestor;
  5. Implemente pesquisa de clima organizacional estruturada para mensurar e acompanhar o nível de engajamento com periodicidade utilizando a técnica do NPS (Net Promoter Score);
  6. Apresente aos gestores a importância de fazer co-criações em projetos junto aos colaboradores para atingir as metas e resultados como time;
  7. Mostre ao seu cliente a importância de proporcionar uma estrutura de trabalho (equipamentos, ferramentas, processos, etc) aos seus respectivos colaboradores;
  8. Estruture um plano e calendário de treinamento Indoor e Outdoor exclusivo aos colaboradores, inclusive ao corpo gestor (Ex: Team Builder/Palestras/Cursos);
  9. Instigue-os a cooperação, comunicação e reconhecimento de todos dentro da empresa;
  10. E por fim, crie gameficações com pequenas premiações em determinados objetivos-chaves, projetos, ou então, em diferentes setores da empresa.

BÔNUS: Proporcione momentos de confraternização e integração entre a equipe!

Caro consultor(a), tenha claro as dicas acima dentro do seu escopo de projeto para desenvolver o engajamento do time como um todo junto ao seu cliente. E principalmente, fazendo isso você elevará o engajamento do seu cliente com o seu projeto de consultoria. Acredite, todos tendem a ganhar!

Agora é contigo e mãos a massa!

Para otimizar sua experiência durante a navegação, fazemos uso de cookies. Ao seguir com a navegação e visita consideramos que você está de acordo com nossa Política de Privacidade. Aceitar
Ser Consultor Empresarial